Trocar sistema GPL entre veículos da mesma marca

Converse e Discuta Dúvidas sobre o GPL - Autogás.

!Atenção- Topicos com mais de 7 Dias serão removidos automaticamente caso nao haja respostas...!

Moderadores: rdd48856, FLP

Responder
pissi
Recém-chegado
Mensagens: 1
Registado: 23 jul 2019, 21:03
Distrito onde reside.: Leiria
Viatura a GPL?: Sim
Marca do KIT GPL: Brc
Marca do Veículo: Lancia
Modelo: Lybra
Ano: 2001

Trocar sistema GPL entre veículos da mesma marca

Mensagem por pissi » 23 jul 2019, 22:06

Boa noite.
Sou novo por aqui.
Tenho dois carros marca lancia lybra 1600 gasolina.
Um tem montado o sistema GPL marca brc.
Agora quero passar o sistema para o outro carro.
Agradecia imenso se alguém tem uma ideia do custo que pode ficar?
Obrigado e cumprimentos ao pessoal daqui.

rdd48856
Moderador(a)
Mensagens: 9556
Registado: 13 abr 2005, 10:36
Distrito onde reside.: Faro
Viatura a GPL?: Sim
Marca do KIT GPL: Lovato+BRC+Vialle
Marca do Veículo: Toyota
Modelo: Auris TS HSD by FF
Ano: 2014

Re: Trocar sistema GPL entre veículos da mesma marca

Mensagem por rdd48856 » 23 jul 2019, 23:32

O user @j_verne tem alguma experiência nesse tipo de situações, mas eu diria que depende do instalador.

j_verne
Cidadão Virtual
Mensagens: 3900
Registado: 11 abr 2009, 14:32
Distrito onde reside.: Guarda
Viatura a GPL?: Sim
Marca do KIT GPL: BRC
Marca do Veículo: Skoda
Modelo: Octavia 1.6i
Ano: 2006

Re: Trocar sistema GPL entre veículos da mesma marca

Mensagem por j_verne » 25 jul 2019, 09:23

Efectivamente já me meti nisso em tempos...

Creio que sendo um kit que é nosso e sabemos que está em ordem, e arranjando um instalador de confiança e competente, é capaz de ser uma boa opção.

Só acho é que tem lógica apenas caso o carro dador seja para abater. Se for para continuar a andar, o custo de o deixar a funcionar novamente a gasolina acaba por anular a poupança.

Eu ia pagar 700 eur por essa operação (100 para desmontar num carro, mais 600 para a instalação no outro - chave na mão).

Mas como correu mal e o instalador foi azelha, acabei por pagar 900 (e ficar sem carro uns meses a mais).

Depois, acabei por não abater o veículo dador, e aí iriam mais uns 200 eur pelo menos para o deixar a andar, se eu não tivesse já as peças necessárias e tivesse que contratar o serviço a um mecânico (troca do coletor de admissão e arranjo da cablagem dos injectores de gasolina, que fiz em casa)...

Por isso é uma operação com muitas variáveis... Hoje, se soubesse que o carro dador não ia para abate, não teria optado por aí. E claro, tinha escolhido outro instalador ;-)

Responder